News

Nadal e ludoterapia: “Marc não tem ideia do caralho” – ArtidlLife

“Depende do dia. Tem dias que é uma terapia contraproducente, porque tenho que aturar o Marc (López), que não faz a mínima ideia. Mas ei, nós rimos”começa Rafael Nadalbrincando com a mídia espanhola quando lhe perguntam se o parchiso clássico jogo de tabuleiro que ele e o restante de sua equipe jogam durante os torneios, também em Roland Garros, tem um efeito terapêutico sobre ele.

“Tem uma coisa boa que é você passar uma hora e meia, duas horas sem perceber. E a realidade também é uma forma de largar as maquininhas. Então você não fica o tempo todo com o celular. Para mim é algo positivo. Em algum momento você está com o time jogando sem prestar atenção no celular antes dos jogos ou quando está no aeroporto”, explica o espanhol.

“É uma mera distração e uma competição que temos entre nós, então rimos. Temos um rating anual”revela Rafa, que acredita não ser mais o número um. “Agora eu não sei exatamente. Eu estava indo para lá, mas Não sei se meu pai passou por mim sem brincar (risos). Os últimos dias foram críticos, mas ei, nós rimos, nos distraímos. É uma forma de passar as horas”, diz o manacorí.

Comemoração e retorno

Depois de curtir uma discreta comemoração na noite de domingo (ele teve que levantar às oito da manhã para estar no baile chamada de foto com o troféu às 9h00, na Ponte Alexandre III), Ele viajou para Barcelona nesta segunda-feira para iniciar o mais rápido possível o tratamento com o qual tentará bloquear a dor que sente no pé esquerdo para ter an opportunity de competir em Wimbledon.

Source

Related Articles

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Back to top button